sábado, 11 de dezembro de 2010

GLOSSÁRIO DA EDUCAÇÃO ou ESCOLA HIPÓCRITA III

Continuando a série, mais um termo. Desta vez, quero falar da palavra da “moda”: FLEXIBILIDADE.
Ser flexível, sobretudo nas avaliações, tem sido um termo usado por algumas escolas ao solicitar para seus docentes que “peguem leve” nas avaliações.
O que tenho visto, em depoimentos de colegas docentes é o seguinte: a flexibilidade, muitas vezes solicitada a eles, é para que sejam totalmente permissíveis, ou seja, QUALQUER COISA SERVE.
Em um depoimento de uma colega, que corrige provas de redação, ela me disse da angústia de ter que ser flexível e, com isto, boa parte das redações que, se forem corrigidas ao pé da letra, teriam nota zero, acabam por ser aprovadas.
Eu sou de uma época em que o aluno cometia um erro mínimo em uma avaliação e era duramente penalizado. Claro que nunca concordei com isto e meus alunos (ex-alunos e atuais) sabem do respeito que tenho pelos discentes. Entretanto, estamos vivendo um tempo em que tudo é permitido, o tempo do “QUALQUER COISA SERVE”: seja em uma prova de redação, de matemática, de outra matéria qualquer, ou mesmo em uma dissertação de conclusão de curso de qualquer grau.
É por esta e por outras que estão trocando soro por vaselina em hospitais e pacientes estão morrendo.
Hipocrisia pura!

sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

Tecnologia digital para estimulação visual

Os alunos do Curso Superior de Tecnologia em Automação Industrial da Faculdade de Tecnologia SENAI/SC em Florianópolis estão desenvolvendo um programa para estimular a visão das pessoas que possuem baixa visão.
O projeto é uma parceria do SENAI/SC em Florianópolis com Associação Catarinense de Integração ao Cego (ACIC) e coordenado por Ana Cristina Cravo, assistente social do SENAI.
Um reportagem da TV local mostra o projeto. Clique aqui para ver a reportagem.
Vale a pena ver.

terça-feira, 7 de dezembro de 2010

3o. Simpósio Hipertextos - Parte 4 - O trabalho que mais gostei

Tive a oportunidade de ver vários trabalhos no Simpósio. Alguns excelentes e outros nem tanto.
Certamente o que mais gostei foi o trabalho da professora Anelilde Lima (UFPE) que criou uma comunidade no Orkut intitulada “Penso logo escrevo”.
Vários trabalhos no evento tinham como temática o uso do Orkut nas práticas pedagógicas. O trabalho da professora Anelilde se destaca pelo fato de que ela sabe em que chão está pisando. Ela está fazendo uma análise da argumentação usada no ambiente virtual e comparando com que é realizado em sala de aula.
O detalhe é que ela está fazendo um trabalho com um profundo embasamento teórico e conhecimento de causa.
Parabéns, professora Anelilde.

domingo, 5 de dezembro de 2010

GLOSSÁRIO DA EDUCAÇÃO ou ESCOLA HIPÓCRITA II

Continuando a série, mais um termo. Desta vez um termo para substituir a palavra REPROVAÇÃO.
Aqui em Florianópolis, vejo os alunos dizerem: rodei.
Em Minas Gerais, meus alunos diziam: reprovei ou levei pau.
O termo usado agora, por algumas escolas hipócritas que não querem usar o termo REPROVAÇÃO, talvez para não denegrir a imagem de quem foi reprovado, é RETENÇÃO.
A hipocrisia está no fato de se inventar novos termos apenas para as palavras que tem sentido negativo. Por que não inventaram então um novo termo para significar APROVAÇÃO?
Hipocrisia pura!

GLOSSÁRIO DA EDUCAÇÃO ou ESCOLA HIPÓCRITA I

Parece-me que está na moda as escolas utilizarem-se de eufemismo para nomear certos processos que nunca mudaram na Educação, desde a época dos jesuítas, a não ser pelo próprio nome.
Escreverei uma série que estou intitulando “Glossário da Educação ou Escola Hipócrita” para trazer alguns destes termos. Serei breve nestas postagens, pois percebo que os leitores às vezes não se animam a ler longos discursos.
Hoje, conversando com uma amiga, professora em Belo Horizonte, ela me contou que na escola onde ela trabalha a recuperação agora é chamada de Oficina de Revisão.
Na prática não mudou em nada: é o antigo período de recuperação que, com um eufemismo hipócrita, recebeu o nome de Oficina de Revisão. Isto porque o aluno da escola particular ficaria envergonhado em ir para a escola dizendo “irei assistir minhas aulas de recuperação”. Assim, ele diz: “estou indo para a Oficina de Revisão”.
Muda-se o termo, mas a prática pedagógica continua a mesma.
Hipocrisia pura!

3o. Simpósio Hipertextos - Parte 3 - Tietagem no avião: Foto com Lévy

Para minha sorte, quando estava voando de Recife/PE para Garulhos/SP, no sábado (04/12/10) quem estava no vôo? Nada mais nada menos do que ele - Pierre Lévy.
É claro que não pude perder este momento de tietagem e pedi a ele para tirarmos uma foto.
Eis a foto: